A Rainha Elizabeth I governou a Inglaterra por 44 anos, entre 17 de novembro de 1558 e 24 de março de 1603. Uma das monarcas mais famosas da história, ela se tornou rainha aos 25 anos (após a morte da irmã mais velha, a impopular Mary I), e era filha do polêmico Henry VIII e da segunda esposa dele, Anne Boleyn [Ana Bolena].

Elizabeth I viveu um reinado conturbado, mas glorioso. Ela nunca aceitou se casar, se envolveu em polêmicas com a  prima Mary Stuart, rainha da Escócia, e obteve enorme sucesso ao liderar a Inglaterra contra a grande Armada Espanhola, em 1558. Quando faleceu, aos 69 anos, a rainha era conhecida como “Gloriana”,  “A Rainha Virgem” e “Boa Rainha Bess”. A era elizabetana ficou conhecida como “A Era de Ouro”. 

Ao longo dos séculos, as pessoas passaram a acreditar que a antiga rainha é um espírito inquieto devido à vida difícil que viveu. Ela tinha apenas dois anos quando o pai, o rei Henry VIII, ordenou a decapitação de sua mãe, Anne Boleyn. Mais tarde, foi obrigada a  cumprir pena na Torre de Londres por suspeita de apoiar rebeldes protestantes durante o reinado de Mary I.  Décadas depois, Elizabeth foi obrigada a ordenar a morte da prima, Mary Stuart. 

Vários membros da realeza, além das pessoas comuns, alegaram ter visto Elizabeth em forma de fantasma em alguns  locais da Inglaterra.

.

Castelo de Windsor

.

O Castelo de Windsor, via Mental Floss

O Castelo de Windsor é um marco conhecido no Reino Unido. Construído pelo rei William, o Conquistador, no século XI, permaneceu como uma pedra angular da monarquia britânica, lar de 45 monarcas até a atual ocupante, a Rainha Elizabeth II.

O maior e mais antigo castelo continuamente habitado da Europa foi palco de diversas possíveis aparições de Elizabeth I, principalmente flutuando da biblioteca real para uma sala interna. Os reis George III, Edward VII e George VI declararam ter visto a rainha. 

O rei George III viu uma mulher em um vestido preto, que ele acreditava ser Elizabeth, e Edward VII alegou ter visto a mesma mulher. George III confessou que a rainha lhe disse que ela era “casada com a Inglaterra“. 

Em 1897,  um dos guardas da Rainha Vitória, o tenente Carr Glynn, garantiu ter visto uma mulher com uma notável semelhança com a Rainha Elizabeth I, passar por ele do lado de fora da biblioteca. Apesar de ter se levantado imediatamente para segui-la, ele não conseguiu vê-la, nem qualquer ponto por onde ela pudesse ter saído. Um funcionário confirmou que Carr era a única outra pessoa na biblioteca naquele dia.

George VI, assegurou ter visto Elizabeth I oito noites seguidas logo no início da Segunda Guerra Mundial. O site de turismo Visit Britain afirma que as filhas de George, Elizabeth II e a falecida Princesa Margaret, viram o mesmo espírito na biblioteca do Castelo de Windsor, embora não se saiba o ano exato.

Outros fantasmas ilustres que teoricamente andam pelas paredes do castelo são George II e George III, assim como o pai de Elizabeth I, Henry VIII. Muitos deles estão sepultados na Capela de Saint George [São Jorge, padroeiro da Inglaterra], dentro de Windsor.

.

Strelley Hall

.

Strelley Hall, via site oficial, Strelley Hall Nottingham

.

Em 2017, Steven Wesson, do Reino Unido Ghost Hunts [caçadores de fantasmas do Reino Unido], supostamente capturou uma imagem de Elizabeth no porão de Strelley Hall, em Nottinghamshire. Embora exista nos dias de hoje e esteja aberta para visitação, a mansão já foi um castelo. Escavações arqueológicas indicam que um grande incêndio ocorreu durante a era Tudor, provavelmente após a estadia de Elizabeth, relatada por cronistas da época.

Wesson estava na propriedade para procurar atividades sobrenaturais quando conseguiu mais do que esperava ao filmar sem querer o que ele acha que poderia ser a rainha pairando silenciosamente em um arco do porão.

“Não há nada plausível que possa ser sem [que seja] uma aparição. Não havia ninguém por perto, eu simplesmente não consigo explicar. Eu assisti a tantas horas de filmagem e nunca vi nada parecido antes, é simplesmente incrível. Aparentemente, a Rainha Elizabeth I dormiu acima de onde esta imagem foi tirada, pois é onde ficavam os antigos quartos”.

Semanas depois, Steven retornou para mais pesquisas na casa e declarou: “Não sei se é a Rainha Elizabeth I, mas seria muito legal se fosse.”

.

Hatfield House

.

Palácio de Hatfield, Wiki Commons

O antigo Palácio de Hatfield foi um dos lugares mais importantes na vida de Elizabeth I. Foi para Hatfield que a princesa de três meses foi levada de Londres para residir sob o olhar atento de Sir John e Lady Shelton, tio e tia de Anne Boleyn. Cerca de vinte e cinco anos depois, foi aparentemente sentada sob o carvalho retorcido no Grande Parque de Hatfield que a Princesa Elizabeth ouviu falar da morte da irmã, Mary, e, portanto, de sua ascensão ao trono da Inglaterra. 

O Velho Palácio de Hatfield era o lugar que Elizabeth chamava de lar. A mansão original pertencia ao bispo de Ely. O então bispo, John Morton, construiu para si uma nova residência episcopal adjacente à igreja paroquial. Henry VIII adquiriu o palácio do bispo de Ely em 1538, já que acreditava que seria o local ideal para os três filhos, Mary, Elizabeth e Edward, vivessem tranquilamente entre o campo e a cidade.

O espectro de Elizabeth I foi notado por duas visitantes da Casa Hatfield em 1951 – embora nem todos estivessem convencidos. De acordo com o Welwyn Times de sexta-feira, 12 de janeiro de 1951, duas jovens escreveram ao curador da época, o Sr. RL Drage, sobre o encontro fantasmagórico com a rainha.

O Sr. Drage disse ao jornal que estava “convencido de que foi uma experiência genuína”.

“As amigas foram ver a capela, concluída em 1611. Mas então elas visitaram a Long Gallery. Elas vieram por um corredor curto e se encontraram em uma extremidade do longo e magnífico arsenal… abaixo da Galeria Longa” – a sala mais longa em uma casa particular do mundo. 

“Enquanto as mulheres estavam paradas na porta, vindo do corredor escuro para a extensão brilhantemente iluminada do arsenal, uma delas viu o que considerou ser um modelo de cera da Rainha Elizabeth parada do outro lado. Ela e a amiga percorreram toda a extensão da galeria para dar uma olhada mais de perto e descobriram que a figura, que elas tinham visto claramente, não estava lá.”

.

Abadia de Westminster

.

Sepultura da Rainha Elizabeth I na Abadia de Westminster, em Londres. Via Westminster Abbey no twitter.

.

A igreja mais famosa da Inglaterra, cenário dos maiores e mais importantes eventos da realeza, como casamentos e funerais, não poderia ficar de fora da lista. A abadia, inaugurada em 1269, é o lugar de descanso da maior parte dos monarcas e de inúmeros membros da realeza e da nobreza e indivíduos renomados, incluindo Elizabeth I, sepultada ao lado da irmã, Mary I. 

As supostas aparições de fantasmas são bem comuns e ocorrem há séculos. Elizabeth está presente em vários relatos desde o século XVII.

.

*Este artigo foi inspirado pelo artigo em inglês do site Royal Central: “Royal Ghost Stories: Elizabeth I”, escrito por Brittani Barger.

.

REFERÊNCIAS

.

GET READING BERKSHIRE. The Windsor Castle room where Elizabeth I’s ghost has been spotted. Disponível em: https://www.getreading.co.uk/news/berkshire-history/windsor-castle-room-elizabeth-is-20294455. Acesso em: 1 dez. 2021.

HATFIELD PARK. THE OLD PALACE. Disponível em: https://www.hatfield-house.co.uk/house/the-house/the-old-palace/. Acesso em: 1 dez. 2021.

ROYAL CENTRAL. Royal Ghost Stories: Elizabeth I. Disponível em: https://royalcentral.co.uk/features/history-blogs/royal-ghost-stories-elizabeth-i-151302/. Acesso em: 1 dez. 2021.

STRELLEY HALL. The history of Strelley Hall . Disponível em: https://www.strelley.com/copy-of-the-gardens-1. Acesso em: 1 dez. 2021.

THE MIRROR. Ghost hunter films ‘spirit of Queen Elizabeth I’ at historic hall where virgin monarch once stayed. Disponível em: https://www.mirror.co.uk/news/world-news/ghost-hunter-films-spirit-queen-9720553. Acesso em: 1 dez. 2021.

THE TUDOR TRAVEL GUIDE. The Old Palace of Hatfield: The Cradle of the Elizabethan Age. Disponível em: https://thetudortravelguide.com/2019/07/06/the-old-palace-of-hatfield/. Acesso em: 1 dez. 2021.

WELWYN HATFIELD TIMES. Memories: Ghost of Queen Elizabeth I seen at Hatfield House. Disponível em: https://www.whtimes.co.uk/news/hatfield-house-ghost-of-queen-elizabeth-i-5623304. Acesso em: 1 dez. 2021.

YAHOO. Queen Elizabeth once saw the ghost of Elizabeth I in Windsor Castle. Disponível em: https://uk.style.yahoo.com/queen-elizabeth-once-saw-ghost-200000900.html. Acesso em: 1 dez. 2021.